Parte da diretoria da Fecomércio-RS, presidentes de sindicatos e representantes do setor terciário do estado participaram, na quinta-feira (22), de uma reunião com o ex-ministro do Trabalho, Ronaldo Nogueira, principal mentor da reforma trabalhista (13.467/17). A atividade também teve participação do vice-presidente do Tribunal Regional do Trabalho da 21ª Região (TRT-RN), desembargador federal Bento Herculano Duarte Neto. O encontro, coordenado pelo presidente da Fecomércio-RS, Luiz Carlos Bohn, ocorreu na sede da Federação, em Porto Alegre.

Na oportunidade, o deputado federal Ronaldo Nogueira falou a respeito dos avanços da reforma já sentidos na economia brasileira. “A reforma é considerada uma das grandes responsáveis por colocar o país de volta nos trilhos do desenvolvimento econômico e estamos adequando o País às mais modernas legislações trabalhistas existentes no mundo”, destacou o parlamentar.

O presidente do Sindigêneros-RS, João Francisco Micelli, agradeceu o deputado pelos esclarecimentos referentes as questões que estão se consolidando após a modernização da legislação trabalhista. “Agradeço ao ex-ministro pela disponibilidade e gentileza em elucidar importantes pontos da Reforma. O pequeno e médio empresário do setor terciário deve saber utilizar as novas regras em favor do seu negócio, pois é fundamental para a superação do momento de recessão econômica que aflige o país”, sinalizou Micelli.   

Já o desembargador Bento Herculano falou a respeito da aplicação das novas regras na Justiça do Trabalho. “Já se tem uma diminuição nas milhares de ações trabalhistas atualmente em curso, com isso, a Justiça do Trabalho se atenta aos casos que realmente existam conflitos e direitos a serem tutelados; além disso, as novas regras trouxeram a necessária e indispensável segurança jurídica às empresas”, observou o magistrado.

Ao final do encontro, os empresários do setor de gêneros alimentícios relataram para o deputado Ronaldo as dificuldades que vem enfrentando com os auditores fiscais do trabalho.

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui