22/10/2019 15:20

A nova linha aérea ligando Curitiba e Francisco Beltrão, no Sudoeste, inaugurada nesta terça-feira (22), dentro do programa Voe Paraná, do Governo do Estado, terá forte impacto na economia da região. “É um programa arrojado, inovador, que nos aproxima da capital e que, sem dúvida, vai ajudar a atrair mais investimentos”, afirmou o prefeito Cleber Fontana. “É um marco para a economia da região”, avalia.

Francisco Beltrão, com 91 mil habitantes, integra uma microrregião com 27 municípios e 350 mil habitantes. No total, o Sudoeste tem 42 municípios, somando 650 mil habitantes. “Acredito que se a demanda esperada se consolidar, em breve teremos aviões maiores e mais linhas”, disse o prefeito, lembrando que seu município possui aeroporto estruturado, iluminado, que recebe voos noturnos.

O presidente da Associação Comercial e Industrial de Francisco Beltrão, Tarcísio Bonetti, ressalta que o Sudoeste é uma região próspera, com indústrias, cooperativas, universidades. “Mas temos dificuldade com logística”, diz.

Os aeroportos mais próximos são os de Cascavel, Foz do Iguaçu e Chapecó (SC). Bonetti lembra que o acesso a esses terminais é dificultado pelas rodovias sobrecarregadas, o que se constitui em dificuldade para o crescimento da região.

“A possibilidade de deslocamento aéreo rápido, permitida pelo programa do Governo do Estado, vai eliminar esse tipo obstáculo e facilitar a atração de novos investimentos e de ampliação de empresas já existentes”, disse Bonetti.

PASSAGEIRO – Anésio Wessling, empresário e vice-prefeito de Enéas Marques, esteve no voo que partiu de Francisco Beltrão para Curitiba. Ele destacou os benefícios da nova linha. “Liga o nosso Interior com grandes cidades, um grande beneficio para a nossa região, evita que tenhamos de nos deslocar para Cascavel, Curitiba, Foz do Iguaçu”, disse ele. Convido a todos os empresários a usarem, que olhem o site, vejam os preços”, comentou.

“O programa é muito interessante, porque incentiva o transporte aéreo no Interior. Sem esse incentivo dado pelo governo não teríamos como concorrer com outras cidades maiores. É uma iniciativa que vai contribuir para mais emprego e renda à população”, afirmou.

Receba novidades e alertas personalizados da Ag?ncia de Notícias no seu e-mail ou navegador

Cidade faz parte do programa Voe Paraná, criado pelo Governo do Estado para ampliar a malha aeroviária. Voo direto deverá levar mais compradores à cidade e facilitar a vida dos empresários que viajam para negociar em outros centros.

Entre três empresas proponentes uma foi definida como vencedora, preliminarmente. Segundo a Comissão Especial de Licitação, a próxima etapa será a de julgamento dos documentos de qualificação, conforme estabelecido no edital.

É quase um milhão de toneladas de cereais a mais produzidos no Estado, segundo levantamento do Departamento de Economia Rural (Deral), da Secretaria de Estado da Agricultura e Abastecimento, relativo ao mês de outubro.

Secretaria de Estado daComunicação Social e da Cultura

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui