Acesse sua conta

A organização internacional Observatório dos Direitos Humanos (HRW) considera a recondução do Brasil ao Conselho de Direitos Humanos da Nações Unidas (OHCHR) “um mal menor”, dada a perspectiva de ingresso da Venezuela nesse grupo na quinta-feira, 17. Ambos os países concorrem com a Costa Rica pelas duas vagas para a América Latina e Caribe.

“No Brasil, pelo menos há democracia. Não se pode dizer o mesmo sobre a Venezuela”, afirmou Kenneth Roth, diretor-executivo da HRW, em entrevista à imprensa em São Paulo.

Líderes do HRW se reuniram no Brasil para tratar de suas “preocupações com a retórica e as políticas do governo” de Jair Bolsonaro. Mencionaram principalmente o descaso do governo Bolsonaro com as queimadas na Amazônia e o desmatamento ilegal da região, os direitos das comunidades LGBT e a violência policial.

 

DEIXE UMA RESPOSTA

Por favor digite seu comentário!
Por favor, digite seu nome aqui