Brasil se despede da Japan Cup de Handebol com vitória sobre anfitriãs

Crédito: Divulgação: CBHb

A Seleção brasileira de handebol se despediu da Japan Cup neste domingo (24). O time venceu as japonesas por 28 a 22. Dessa forma, a equipe termina o torneio na terceira posição à frente justamente do Japão. O Brasil vinha de duas derrotas contra França e Eslovênia. A Japan Cup foi utilizada como evento-teste para os Jogos Olímpicos de Tóquio. Brasil e Japão se enfrentaram no ginásio de Yoyogi, em Shibuya, um bairro da capital japonesa.

As meninas estão em fase de preparação para o Mundial da Modalidade. O torneio vai ter início já na próxima semana. O Brasil estreia contra a Seleção da Alemanha já no dia 30 de novembro. Portanto, o técnico Jorge Dueñas utilizou os três jogos da Japan Cup para corrigir possíveis erros antes da estreia na competição.

O técnico disse que o jogo deste domingo foi muito importante para as últimas análises antes da estreia no Mundial. “Hoje era um jogo importante porque era o último antes de jogar em Kumamoto (sede do Mundial). Penso que a equipe esteve no nível que esperávamos porque acertou muito mais a defesa e também fizemos um bom primeiro tempo no ataque, com muita variedade e com todas as jogadoras marcando gols”, disse Dueñas em entrevista para o site oficial da Confederação Brasileira de Handebol (CBHb)

Jorge Dueñas também detalhou os próximos atos da Seleção nesta semana que antecede a estreia no Mundial. “Para o treinamento na próxima semana vamos trabalhar porque tivemos alguns jogos ruins e alguns de mais confiança. Hoje era um jogo difícil porque elas têm uma forma de jogar complicada e fomos capazes de adaptar-nos e defender bem, o que era muito importante para pegar confiança na defesa porque nos jogos anteriores não tivemos. Levamos acima dos 30 gols e hoje ficamos mais na realidade”, disse ele.

“Perdemos os primeiros jogos e isso foi importante para analisar o futuro. Saímos mais confiantes. Os primeiros jogos nos mostraram alguns problemas que temos e que podemos melhorar durante esta semana. Esta manhã estive falando sobre isso com as jogadoras. Se tivéssemos ganhado todos os jogos poderia ser bom, mas também poderia trazer excesso de confiança. Esta semana vamos ver o que temos que ajustar e o que fazemos bem, mas temos que ter humildade no trabalho e saber que cada jogo é diferente e estarmos bem concentrados para jogar bem o Mundial”, completou na entrevista logo depois do jogo.

O Brasil está no grupo B do Mundial de Handebol do Japão. Junto com as brasileiras, o grupo B é completado por Austrália, Dinamarca, França, Coreia do Sul e Alemanha. A Alemanha aliás será a adversária da estreia no próximo sábado (30). A partida acontecerá às 3 da manhã pelo horário de Brasília.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *