Boletim divulgado neste domingo (5) pelo Ministério da Saúde, registra que até o momento o Brasil tem 1.603.055 casos da covid-19. Desses, 64.867 casos resultaram em óbito, sendo 602 registrados nas últimas 24 horas. O número de pessoas recuperadas soma 906.286, o equivalente a 56,5% dos infectados.

São Paulo continua com o maior número de casos, 320.179; seguido pelo Ceará com 121.464, e pelo Rio de Janeiro, com 121.292. Em número de mortes, no entanto, o Rio de Janeiro, com 10.667, ultrapassa o Ceará, que teve 6.441 óbitos até o momento. Também nesse quesito, São Paulo registra o maior número, com 16.078 mortes.

Entre os estados com menos registros, o Mato Grosso do Sul é o de menor incidência, com 10.089 casos e 117 mortes. Tocantins, com 12.475 casos e 220 mortes, vem em seguida.

Apesar dos números nacionais, algumas cidades estudam a volta gradual da rotina. Na cidade de São Paulo, o prefeito Bruno Covas assinou os protocolos para reabertura dos setores de bares, restaurantes, estética e beleza na cidade.

No Rio de Janeiro, a reabertura de bares levou muita gente para a rua durante o primeiro dia de liberação. Na sexta-feira (3), após medidas punitivas, os estabelecimentos da cidade tomaram atitudes para diminuir as aglomerações. 

No Distrito Federal, o governador Ibaneis Rocha assinou decreto com o calendário de abertura de bares e escolas. O DF registra, até o momento, 57.854 casos diagnosticados e 699 mortes.

Bahia
Na Bahia foram registrados 1.563 casos de covid-19, 57 mortes e 1.489 curados nas últimas 24 horas. Dos 87.048 casos confirmados desde o início da pandemia no estado, 58.649 já são considerados curados, 26.292 encontram-se ativos e 2.107 tiveram óbito confirmado. As informações são da Secretaria Estadual de Saúde (Sesab).

As confirmações ocorreram em 392 municípios da Bahia, com maior proporção em Salvador (44,59%). As cidades com os maiores coeficientes de incidência por 100.000 habitantes foram Gandu (2.154,12), Itajuípe (2.132,64), Ipiaú (1.754,84), Uruçuca (1.501,05) e Itabuna (1.422,45).

O boletim epidemiológico divulgado neste domingo (5) contabiliza 87.048 casos confirmados, 181.455 casos descartados e 87.346 em investigação. Estes dados representam notificações oficiais compiladas pelo Centro de Informações Estratégicas em Vigilância em Saúde da Bahia (Cievs-BA), em conjunto com os Cievs municipais e as bases de dados do Ministério da Saúde até as 17 horas deste domingo (5).

Na Bahia, 9.839 profissionais da saúde foram confirmados para covid-19. 

No estado, dos 2.283 leitos disponíveis do Sistema Único de Saúde (SUS) exclusivos para coronavírus, 1.467 possuem pacientes internados, o que representa uma taxa de ocupação de 64%. No que se refere aos leitos de UTI adulto e pediátrico, dos 913 leitos exclusivos para o coronavírus, 725 possuem pacientes internados, compreendendo uma taxa de ocupação de 79%.

Óbitos na BA
A Sesab contabiliza 2.107 mortes pelo novo coronavírus.

2051º óbito – homem, 32 anos, residente em Itabuna, sem informações acerca da existência de comorbidades. Também sem informações sobre a data de internação, foi a óbito dia 04/07, em hospital filantrópico, em Itabuna;

2052º óbito – homem, 74 anos, residente em Paripiranga, portador de hipertensão arterial. Internado dia 05/06, foi a óbito dia 16/06, em hospital da rede particular, em Aracaju (Sergipe);

2053º óbito – homem, 74 anos, residente em Salvador, portador de diabetes mellitus e doença do sistema nervoso. Sem informações acerca da data de internação, foi a óbito dia 04/07, em hospital da rede pública, em Salvador;

2054º óbito – mulher, 66 anos, residente em Simões Filho, portadora de doença respiratória crônica. Internada dia 15/06, foi a óbito dia 18/06, em unidade da rede pública, em Simões Filho;

2055º óbito – homem, 52 anos, residente em Salvador, portador de diabetes mellitus, hipertensão arterial e doença renal crônica. Internado dia 26/06, foi a óbito dia 30/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

2056º óbito – mulher, 81 anos, residente em Salvador, portadora de diabetes mellitus. Sem informações acerca da data de internação, foi a óbito dia 02/07, em hospital da rede pública, em Salvador;

2057º óbito – homem, 62 anos, residente em Salvador, portador de diabetes mellitus. Internado dia 01/06, foi a óbito dia 06/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

2058º óbito – homem, 64 anos, residente em São Sebastião do Passé, portador de hipertensão arterial. Internado dia 21/05, foi a óbito no mesmo dia (21/05), em hospital da rede particular, em Candeias;

2059º óbito – homem, 39 anos, residente em Candeias, portador de doença renal crônica. Internado dia 21/05, foi a óbito dia 25/05, em hospital da rede pública, em Candeias;

2060º óbito – mulher, 58 anos, residente em Salvador, portadora de doença cardiovascular. Sem informações acerca da data de internação, foi a óbito dia 30/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

2061º óbito – mulher, 42 anos, residente em Irará, portadora de doença autoimune. Internada dia 15/06, foi a óbito dia 20/06, em hospital da rede pública, em Feira de Santana;

2062º óbito – mulher, 49 anos, residente em Salvador, portadora de diabetes mellitus. Sem informações acerca da data de internação, foi a óbito dia 28/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

2063º óbito – mulher, 67 anos, residente em Salvador, sem comorbidades. Internada dia 10/06, foi a óbito dia 14/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

2064º óbito – homem, 75 anos, residente em Queimadas, portador de hipertensão arterial e doença cardiovascular. Internado dia 24/05, foi a óbito dia 30/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

2065º óbito – homem, 70 anos, residente em Salvador, portador de doença cardiovascular. Internado dia 28/06, foi a óbito dia 02/07, em hospital filantrópico, em Salvador;

2066º óbito – homem, 87 anos, residente em Gandu, portador de hipertensão arterial. Sem informações acerca da data de internação, foi a óbito dia 03/07, em hospital da rede particular, em Gandu;

2067º óbito – homem, 79 anos, residente em Itanhém, portador de diabetes mellitus. Internado dia 27/06, foi a óbito no mesmo dia (27/06), em hospital da rede particular, em Itanhém;

2068º óbito – homem, 65 anos, residente em Canavieiras, portador de hipertensão arterial, diabetes mellitus, doença cardiovascular e doença do sistema nervoso. Internado dia 20/06, foi a óbito dia 26/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

2069º óbito – homem, 82 anos, residente em Lauro de Freitas, sem informações acerca de comorbidades. Também sem informações sobre a data de internação, foi a óbito dia 01/07, em hospital da rede pública, e, Salvador;

2070º óbito – homem, 53 anos, residente em Cabaceiras do Paraguaçu, sem informações acerca de comorbidades. Internado dia 30/06, foi a óbito dia 01/07, em unidade da rede pública, em Salvador;

2071º óbito – mulher, 73 anos, residente em Ubaitaba, sem comorbidades. Internada dia 18/06, foi a óbito no mesmo dia (18/06), em hospital da rede pública, em Itabuna;

2072º óbito – homem, 66 anos, residente em Salvador, portador de diabetes mellitus e doença cardiovascular. Internado dia 17/06, foi a óbito dia 01/07, em hospital da rede pública, em Salvador;

2073º óbito – mulher, 83 anos, residente em Sento Sé, portadora de neoplasias. Internada dia 24/06, foi a óbito no mesmo dia (24/06), em hospital da rede pública, em Juazeiro;

2074º óbito – homem, 65 anos, residente em Salvador, portador de diabetes mellitus. Internado dia 23/06, foi a óbito dia 26/06, em hospital filantrópico, em Salvador;

2075º óbito – homem, 64 anos, residente em Acajutiba, sem comorbidades. Internado dia 30/05, foi a óbito dia 27/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

2076º óbito – homem, 75 anos, residente em Candeias, sem comorbidades. Internado dia 26/06, foi a óbito dia 30/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

2077º óbito – mulher, 58 anos, residente em Serrinha, sem comorbidades. Internada dia 25/06, foi a óbito dia 01/07, em hospital da rede pública, em Salvador;

2078º óbito –homem, 47 anos, residente em Salvador, portador de diabetes mellitus. Internado dia 09/06, foi a óbito dia 02/07, em hospital da rede pública, em Salvador;

2079º óbito – mulher, 54 anos, residente em Salvador, portadora de diabetes mellitus. Internada dia 15/06, foi a óbito no mesmo dia (15/06), em hospital da rede pública, em Salvador;

2080º óbito – mulher, 59 anos, residente em Salvador, sem comorbidades. Internada dia 29/06, foi a óbito dia 02/07, em hospital da rede pública, em Salvador;

2081º óbito – homem, 75 anos, residente em Salvador, portador de doença cardiovascular. Internado dia 11/06, foi a óbito dia 01/07, em hospital da rede pública, em Salvador;

2082º óbito – homem, 58 anos, residente em Salvador, portador de doença respiratória crônica. Internado dia 30/05, foi a óbito dia 05/06, em hospital da rede pública federal, em Salvador;

2083º óbito – homem, 73 anos, residente em Inhambupe, portador de diabetes mellitus. Sem informação acerca da data de internação, foi a óbito dia 04/07, em hospital da rede pública, em Alagoinhas;

2084º óbito – mulher, 88 anos, residente em Salvador, sem informações acerca de comorbidades. Também sem informações sobre a data de internação, foi a óbito dia 20/06, em hospital da rede particular, em Salvador;

2085º óbito – mulher, 26 anos, residente em Vitória da Conquista, sem informações acerca de comorbidades. Internada dia 18/06, foi a óbito dia 23/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

2086º óbito – homem, 56 anos, residente em Salvador, sem informações acerca de comorbidades. Também sem informações sobre a data de internação, foi a óbito dia 10/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

2087º óbito – homem, 87 anos, residente em Salvador, sem informações acerca de comorbidades. Também sem informações sobre a data de internação, foi a óbito dia 03/07, em hospital da rede particular, em Salvador;

2088º óbito – homem, 68 anos, residente em Lauro de Freitas, sem informações acerca de comorbidades. Também sem informações sobre a data de internação, foi a óbito dia 13/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

2089º óbito – mulher, 78 anos, residente em Salvador, portadora de hipertensão arterial, doença cardiovascular e obesidade. Internada dia 23/06, foi a óbito dia 04/07, em hospital filantrópico, em Salvador;

2090º óbito – homem, 79 anos, residente em Salvador, portador de hipertensão arterial. Sem informações acerca da data de internação, foi a óbito dia 03/07, em hospital da rede particular, em Salvador;

2091º óbito – mulher, 86 anos, residente em Salvador, portadora de diabetes mellitus e doença cardiovascular. Internada dia 24/06, foi a óbito dia 26/06, em hospital da rede particular, em Salvador;

2092º – óbito, mulher, 66 anos, residente em Santo Amaro, sem informações acerca de comorbidades. Também sem informações sobre a data de internação, foi a óbito dia 28/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

2093º óbito – mulher, 62 anos, residente em Itapetinga, portadora de hipertensão arterial, diabetes mellitus e doença cardiovascular. Foi a óbito dia 05/06, em seu domicílio, em Itapetinga;

2094º óbito – mulher, 69 anos, residente em Itabuna, sem informações acerca de comorbidades. Também sem informações sobre a data de internação, foi a óbito dia 04/07, em hospital filantrópico, em Itabuna;

2095º óbito – mulher, 67 anos, residente em Ibicaraí, sem informações acerca de comorbidades. Internada dia 28/06, foi a óbito dia 01/07, em hospital da rede pública, em Salvador;

2096º óbito – mulher, 95 anos, residente em Feira de Santana, sem comorbidades. Internada dia 09/06, foi a óbito dia 29/06, em hospital da rede pública, em Feira de Santana;

2097º óbito – mulher, 84 anos, residente em Itatim, portadora de diabetes mellitus e doença cardiovascular. Internada dia 15/06, foi a óbito dia 20/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

2098º óbito – mulher, 72 anos, residente em Alagoinhas, sem informações acerca de comorbidades. Também sem informações sobre a data de internação, foi a óbito dia 11/06, em hospital da rede particular, em Feira de Santana;

2099º – homem, 57 anos, residente em Catu, portador de doença cardiovascular. Sem informações acerca da data de internação, foi a óbito dia 29/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

2100º óbito – mulher, 81 anos, residente em Feira de Santana, portadora de obesidade. Internada dia 23/06, foi a óbito dia 24/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

2101º óbito – mulher, 64 anos, residente em Lauro de Freitas, sem informações acerca de comorbidades. Também sem informações sobre a data de internação, foi a óbito dia 08/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

2102º óbito – homem, 66 anos, residente em Candeias, portador de hipertensão arterial. Internado dia 24/05, foi a óbito dia 29/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

2103º óbito – homem, 60 anos, residente em Camaçari, portador de obesidade. Internado dia 26/05, foi a óbito dia 12/06, em hospital da rede particular, em Salvador;

2104º óbito – homem, 66 anos, residente em Teixeira de Freitas, portador de hipertensão arterial e diabetes mellitus. Sem informações acerca da data de internação, foi a óbito dia 04/07, em unidade da rede pública, em Teixeira de Freitas;

2105º óbito – homem, 74 anos, residente em Teixeira de Freitas, sem informações acerca de comorbidades. Também sem informações sobre a data de internação, foi a óbito dia 09/06, em unidade da rede pública, em Teixeira de Freitas;

2106º óbito -mulher, 42 anos, residente em salvador, portadora de hipertensão arterial e diabetes mellitus. Internada dia 13/06, foi a óbito dia 20/06, em hospital da rede pública, em Salvador;

2107º óbito – homem, 63 anos, residente em Lauro de Freitas, portador de hipertensão arterial. Internado dia 10/06, foi a óbito dia 26/06, em hospital da rede pública, em Salvador.