A Polícia Federal cumpre, na manhã desta sexta-feira (23), mandados de busca e apreensão em cinco endereços ligados ao advogado Nythalmar Dias Ferreira Filho, que defende réus da Lava Jato no Rio de Janeiro. Entre seus clientes estão o empresário Arthur Soares, conhecido como Rei Arthur; o ex-dono da Delta Construções Fernando Cavendish; e o ex-presidente da Câmara, Eduardo Cunha. De acordo com as apurações, ele vendia aos clientes a ideia de que era próximo do juiz Marcelo Bretas, o homem da Lava Jato no Estado. Bretas nega qualquer proximidade com o advogado. Os mandados são cumpridos em Ipanema, no Catete, no Centro e em Campo Grande.

*Mais informações em instantes