Capa da edição em LP duplo do álbum ‘Donato elétrico’, de João Donato
Reprodução
♪ Lançado em março de 2016, o álbum Donato elétrico apresentou dez músicas inéditas de autoria de João Donato, compostas pelo artista acriano sem parceiros e gravadas em 2015 com o toque do piano elétrico Fender Rhodes do músico, além de sintetizadores e teclados analógicos também pilotados por Donato.
Quatro anos depois, o álbum Donato elétrico ganha edição em LP duplo, produzido pela fábrica Vinil Brasil e posto no mercado fonográfico através do Selo Sesc, com novo tratamento gráfico. O LP exibe outras cores na capa criada por Rodrigo Sommer para a edição original em CD do disco produzido por Ronaldo Evangelista.
A edição em vinil do álbum Donato elétrico poderá ser comprada a partir de sexta-feira, 30 de outubro. Trata-se da primeira edição em LP comercializada pelo Selo Sesc, que prevê outros lançamentos no formato.
Em Donato elétrico, o pianista revisitou sem saudosismo a sonoridade analógica de álbuns igualmente elétricos como A bad Donato (1970) e Donato Deodato (1973). A novidade residiu no encontro de João Donato com integrantes da banda Bixiga 70, com o trio Metá Metá e com músicos como o guitarrista Gustavo Ruiz, entre outros nomes da cena musical contemporânea da cidade de São Paulo (SP).
Donato elétrico resultou em disco de grooves, pautado pelo toque à moda antiga do Fender Rhodes e pela leveza de sopros que mantiveram o álbum no suingue, seja no balanço cubano de Combustão espontânea (João Donato), seja na arretada levada afro-nordestina de Xaxado de Hércules (João Donato). As dez músicas foram compostas sem letras, mas vocalizes de Donato adornaram faixas como o tema jazzístico G8 (João Donato) e Tartaruga (João Donato).
♪ Eis, na disposição do LP duplo, as dez músicas do álbum Donato elétrico :
Disco 1
Lado A
1. Here’s JD (6:13)
2. Urbano (5:38)
Lado B
1. Frequência de onda (4:59)
2. Espalhado (4:09)
3. Tartaruga (4:42)
Disco 2
Lado C
1. Soneca do marreco (3:59)
2. Combustão espontânea (4:41)
3. Resort (4:19)
Lado D
9. Xaxado de Hércules (5:52)
10. G8 (5:17)