‘Você não sabe o que é prazer até que alguém te pague para levar Sean Connery para um passeio no carro lateral de uma moto russa’, disse ator à ‘Variety’. Escocês morreu aos 90 anos. Sean Connery e Harrison Ford em cena de ‘Indiana Jones e a Última Cruzada’
Divulgação
Harrison Ford fez nesta segunda-feira (2) sua homenagem a Sean Connery, que morreu no sábado (31) aos 90 anos. O escocês interpretou o pai do americano em “Indiana Jones e a Última Cruzada” (1989).
“Ele foi meu pai. Não na vida, mas em ‘Indy 3′”, disse Ford em comunicado à revista “Variety”.
“Você não sabe o que é prazer até que alguém te pague para levar Sean Connery para um passeio no carro lateral de uma moto russa por uma trilha acidentada e sinuosa em uma montanha e poder assistir a ele se contorcer. Deus, a como nos divertimos — se ele está no céu, torço para que tenham campos de golfe. Descanse em paz, meu amigo.”
FOTOS: relembre a carreira de Sean Connery
VÍDEOS: cenas marcantes
REPERCUSSÃO: artistas lamentam
Connery, que ficou conhecido por ser o primeiro intérprete de James Bond nos cinemas, teve uma carreira marcada também por outros papéis de sucesso. Entre eles, o professor Henry Jones, pai do arqueólogo vivido por Ford.
Em 2007, o escocês se recusou a sair de sua aposentadoria e repetir o personagem em “Indiana Jones e o Reino da Caveira de Cristal” (2008).
VÍDEOS: morre Sean Connery