Cantor pernambucano grava o disco ‘Contemplação’ sob a direção musical de João Netto, guitarrista que tocou com Dominguinhos por 12 anos. Capa do single ‘José brasileiro’, de Pabllo Moreno
Bruno Maia
♪ Quatro anos após lançar o primeiro álbum, Blues e baião (2016), o cantor e compositor pernambucano Pabllo Moreno – nascido no Recife (PE) em maio de 1991 – grava o segundo álbum, Contemplação, sob direção musical do pai, João Netto, guitarrista que tocou com Dominguinhos (1941 – 2013) por 12 anos.
Previsto para 2021, o álbum Contemplação terá um primeiro single, José brasileiro, lançado em 16 de novembro. Samba de autoria de Moreno, José brasileiro cai no suingue ao perfilar típico cidadão nacional com o sopro de trio de metais, destaque do arranjo.
Ainda em processo de produção, o álbum tem repertório inteiramente inédito e autoral, formado por músicas como Contramaré e Oração singela.
Vocalista da Banda de Pau e Corda, Sérgio Andrade participa do disco na música Lavradores da alma, composta por Pabllo Moreno em parceria com Ivan Antônio. O sanfoneiro Cezzinha é outro convidado de Moreno no álbum Contemplação.