O vice-presidente do Brasil, Hamilton Mourão, disse que Jair Bolsonaro está aguardando o fim do “imbróglio” na contagem de votos das eleições americanas para se pronunciar e cumprimentar Joe Biden, projetado como vencedor pela imprensa dos Estados Unidos. A declaração do vice-presidente foi feita nesta segunda-feira, 9, durante conversa com jornalistas no Palácio do Planalto. “Julgo que o presidente está aguardando terminar esse imbróglio de discussão, tem voto falso, se não tem voto falso, para dar o posicionamento dele”, disse Mourão, que continuou: “É óbvio que o presidente, na hora certa, vai transmitir os cumprimentos do Brasil a quem for eleito”.

Mourão também disse que a demora para um posicionamento é “uma questão de prudência” por parte de Bolsonaro, dizendo que, conforme as questões que estão pendentes voltem a normal, o Brasil irá se preparar “para o novo relacionamento que tem que ser estabelecido”. Durante o processo eleitoral, Bolsonaro se manifestou a favor de Donald Trump, dizendo que gostaria de participar presencialmente da então possível posse do republicano. Ele também criticou Joe Biden, que, por sua vez, disse que pressionará o Brasil a proteger a Amazônia.

A postura de Bolsonaro é similar à adotada pelos governos da Rússia, da China e do México, que optaram por esperar as decisões judiciais sobre as ações movidas por Trump, que alega que fraudes no processo eleitoral afetaram a eleição. Até o momento, Trump não reconheceu a derrota que foi apontada pelos veículos de comunicação do país. Historicamente, a projeção da imprensa é aceita no país, uma vez que não existem tribunais eleitorais.

*Com informações da EFE