♪ Irmão e empresário do cantor Michel Teló, Teófilo Teló também se exercita no ofício da composição. Todas as sete músicas inéditas do EP Pra ouvir no fone – lançado por Michel nesta sexta-feira, 4 de dezembro, em edição da gravadora Som Livre – trazem a assinatura de Teófilo.
Três dessas sete composições – Dia nada a ver, Motivos e Verão de um amor caipira – são creditadas somente a Teófilo. As outras quatro são parcerias do empresário e compositor com Guilherme Bumlai (Café coado), Thiago Mart (a música-título Pra ouvir no fone) e com o próprio Michel Teló, parceiro de Teófilo em O tempo não espera ninguém e Sonhos e planos.
As músicas do EP Pra ouvir no fone foram compostas antes da pandemia, mas a gravação do disco foi feita no período de isolamento social.
“São canções mais reflexivas, para a gente pensar um pouco sobre a vida, sobre as coisas simples que realmente importam, como tomar um café coado com um amigo e conversar à toa”, conceitua Michel Teló.
Pra ouvir no fone é o primeiro lançamento fonográfico inédito do cantor desde o EP Churrasco do Teló vol. 02 (2020), apresentado em março.
O EP Pra ouvir no fone está sendo promovido com a música O tempo não espera ninguém, faixa que gerou clipe gravado em São Luiz do Paraitinga (SP), município do estado de São Paulo.
“Esse disco soa quase como um desabafo. Traz um pouco do Michel do interior, e do interior do Michel, sabe?”, diz Teló, jogando com as palavras.
Capa do EP ‘Pra ouvir no fone’, de Michel Teló
Allan Shigueaqui Mogui