A vice-presidente eleita dos Estados Unidos, Kamala Harris, foi a público nesta terça-feira, 29, tomar a primeira dose da vacina contra o novo coronavírus desenvolvida pela farmacêutica Moderna. Ela recebeu o imunizante junto ao marido, Doug Emhoff, pouco mais de uma semana após a vacinação do presidente eleito Joe Biden, que recebeu uma dose da fórmula desenvolvida pela Pfizer. Harris foi vacinada pela enfermeira-chefe do United Medical Center, Patricia Cummings. “É literalmente sobre salvar vidas. Eu confio nos cientistas e os cientistas criaram e aprovaram essa vacina. Então peço a todos para que quando for a sua vez, se vacinem. É sobre salvar a sua vida, a vida da sua família e das pessoas da sua comunidade”, declarou. Harris tem 56 anos e não é considerada parte do grupo de risco da doença.

Após a vacinação, a vice-presidente afirmou que a ação foi “relativamente indolor” e que tomar a vacina foi “fácil”. A previsão da agência de saúde do governo norte-americano é de que os estadunidenses que tenham menos de 65 anos e sejam saudáveis possam se vacinar a partir do mês de abril. A primeira etapa é focada em idosos e profissionais da área de saúde, mas os estados serão responsáveis por decidir a população prioritária. Biden e Harris devem assumir o comando do país com maior número de mortes por Covid-19 no mundo no dia 20 de janeiro de 2021. Até o momento, mais de 300 mil óbitos foram causados pela doença.