O prefeito do Rio de Janeiro, Eduardo Paes, usou as redes sociais para pedir desculpas por ter participado de uma roda de samba. O político do Democratas foi flagrado sem máscara cantando com um grupo musical em um bar no Centro da capital fluminense no último final de semana. Após vídeos circularem na internet, moradores do Rio criticaram a postura do prefeito. “Errei e me desculpo”, escreveu Paes no Twitter nesta segunda-feira, 10, justificando que havia sido convidado para a gravação de um programa na região e resolveu parar no local, que “respeitava todas normas estabelecidas pela prefeitura. Inclusive com música ao vivo dentro da regras”, relatou. “Errei ao resolver me juntar aos músicos e cantar algumas músicas. Obviamente, ver o prefeito da cidade cantando em um bar, é um fato que por si só gera alguma aglomeração que é tudo que não se deve faze”, tuitou.

“Me desculpo com a população por esse gesto. O coronavírus é uma doença grave(estou vendo isso muito de perto) e estamos longe do fim da pandemia“, disse. Ainda na rede social, Eduardo Paes lembrou a importância de respeitar as orientações da Prefeitura para combater a Covid-19. “É possível e devemos frequentar nossos bares e restaurantes mas sempre com os limites colocados. Me desculpo por minha atitude e deixo bem claro aqui que não me inibirei em continuar estabelecendo as medidas necessárias para enfrentar essa doença”, avisou, dizendo que os “negacionistas de plantão não devem se animar com o erro”.