Uma réplica da Estátua da Liberdade, símbolo da rede Havan, caiu em Capão da Canoa, no litoral do Rio Grande do Sul, após uma forte rajada de vento atingir a região nesta segunda-feira, 24. O Centro de Hidrografia da Marinha do Brasil (CHM) emitiu, no domingo, 23, um alerta de que os ventos poderiam chegar a 88 km/h na “faixa litorânea compreendida entre os estados do Rio Grande do Sul e do Espírito Santo até a manhã do dia 26 de maio”. A Havan confirmou que os estragos causados na unidade aconteceram em razão de uma forte ventania. Segundo a assessoria, a equipe de engenharia da empresa já está providenciando os reparos no local. Não houve feridos. Imagens que circulam nas redes sociais mostram que um poste atravessou a estrutura durante a queda. A unidade de Capão da Canoa, que foi inaugurada em 21 de janeiro de 2021, faz parte da rede varejista do empresário Luciano Hang, apoiador e amigo próximo do presidente da República, Jair Bolsonaro.