Os resultados da 5ª fase do Inquérito Sorológico 2021 da cidade de São Paulo foram divulgados pela Prefeitura nesta quinta-feira, 13, e mostram que um em cada três paulistanos já teve contato com o novo coronavírus (Sars-Cov-2). O mapeamento foi realizado entre os dias 26 e 29 de abril e aponta uma prevalência de infecção de 33,5%, contra 25% registrado na fase anterior. Em outras etapas, foram registrados índices de 14,1% (primeira), 13,9% (segunda) e 15,6% (terceira). Segundo os resultados, 56,1% dos cidadãos que testaram positivo estavam assintomáticos enquanto outros 43,9% apresentaram sintomas. A contaminação foi maior em pessoas com idade entre 18 e 34 anos (31,1% de prevalência), com o grupo entre 35 e 49 logo atrás (28,7%). A maior prevalência foi encontrada entre as pessoas que não restringem contatos sociais (43,3%), aqueles que só têm contato com pessoas que vivem com eles (31,65%), e quem costuma encontrar amigos e pessoas no trabalho (30,2%). De acordo com a prefeitura, 5.760 cidadãos da cidade participaram da pesquisa, que não contou com pessoas vacinadas e apresenta um índice de confiança de 95%.