O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, e o primeiro-ministro do Reino Unido, Boris Johnson, decidiram nesta terça-feira, 17, convocar uma cúpula virtual de líderes do G7 para abordar a crise no Afeganistão. A Casa Branca informou, em comunicado, que Biden conversou por telefone com Johnson, o primeiro líder de outro país com quem discutiu a situação. “Ambos concordaram em realizar uma reunião virtual dos líderes do G7 na próxima semana para discutir uma estratégia e uma abordagem em comum” para o Afeganistão, diz a nota. Biden e Johnson também  discutiram a necessidade de uma coordenação estreita e contínua entre aliados e parceiros democráticos sobre a sua política para o país dominado pelo Talibã. O grupo extremista tomou o controle de Cabul no domingo, após seus combatentes terem entrado na capital sem resistência, com quase todas as províncias dominadas. O presidente afegão, Ashraf Ghani, fugiu do país. O governo norte-americano também informou, nesta terça-feira, 17, que há 11 mil cidadãos do país no Afeganistão. Os EUA retiraram entre 1,4 mil e 1,5 mil pessoas desde o último sábado e esperam concluir o processo até o próximo dia 31.

*Com informações da EFE