Um homem armado matou três policiais e um segurança de uma empresa privada nas imediações da Embaixada da França na cidade de Dar es Salaam, na Tanzânia, nesta quarta-feira, 25. A informação foi confirmada pela presidente do país, Samia Suluhu Hassan, nas redes sociais. “Envio minhas condolências à polícia, às famílias do oficial da companhia de segurança e dos três policiais que perderam as vidas depois que uma pessoa armada os alvejou”, lamentou. Segundo ela, o agressor foi “neutralizado” pela polícia e a calma foi retomada na região pouco tempo depois. A polícia ainda não sabe o nome do responsável pelo ataque ou a motivação do ocorrido, mas confirmou que pelo menos outras seis pessoas ficaram feridas na ocorrência.

Até o momento, o nome de nenhuma das vítimas foi divulgado. Segundo o jornal Al Jazeera, testemunhas afirmaram que o homem abriu fogo no meio da rua gritando que queria matar policiais. Oficiais que trabalhavam na guarda da embaixada e funcionários da segurança de um banco na região tentaram paralisar o suspeito e atiraram nele. Momentos de correria foram registrados e alguns motoristas chegaram a abandonar os próprios carros para tentar se abrigar dos projéteis. A embaixada dos Estados Unidos no país enviou um alerta para que seus cidadãos evitassem a área. O tiroteio ocorreu quase um mês após um homem armado com uma pistola matar um amigo e cometer suicídio na região de Sinza, mesma cidade da ocorrência desta quarta.