O Ministério da Defesa do Reino Unido informou neste sábado, 28, em publicação no Twitter, que o último voo com membros das Forças Armadas do país deixou Cabul hoje. “Para todos aqueles que serviram de modo tão bravo, sob enorme pressão e condições horrendas para retirar em segurança os mais vulneráveis dos civis: obrigado”, afirmou o Ministério da Defesa britânico na publicação. Os Estados Unidos continuam com as operações para retirar suas forças e também colaboradores. O país está deixando o aeroporto de Cabul a quatro dias do prazo final estabelecido pelo governo e pelas forças talibãs. John Kirby, porta-voz do Pentágono, declarou que existem “ameaças muito reais” contra as tropas que ainda estão no local. Na última quinta-feira, 26, houve um atentado terrorista que deixou centenas de mortos, incluindo 13 militares americanos. O presidente dos Estados Unidos, Joe Biden, voltou a declarar por meio de um comunicado divulgado nesse sábado que o país buscará os responsáveis pelo ataque.

*Com informações do Estadão Conteúdo.