O governo da Rússia está negociando com o grupo extremista Talibã para retirar cidadãos de países terceiros do Afeganistão. A informação foi dada pelo presidente Vladimir Putin nesta quinta-feira, 9. Em coletiva com o presidente de Belarus, Alexandr Lukashsenko, Putin disse que vem sendo questionado se o governo pode ajudar “a tirar cidadãos de países terceiros e até mesmo alguns afegãos do Afeganistão”. Em seguida, o líder disse que Moscou está negociando com o Talibã sobre a retirada de “certas categorias de cidadãos” que teriam direito a serem repatriados ou evacuados do país asiático. Putin disse ainda que, em sua visão, alguns países europeus se culpam por terem deixado seus cidadãos “para trás” em meio a saída das tropas internacionais do Afeganistão. Mesmo com a retirada das Forças Armadas, a Rússia manteve sua embaixada em Cabul aberta.

*Com informações da EFE